ANÁLISE COMPARATIVA DE CUSTOS E VANTAGENS ENTRE TELHADOS VERDES E SISTEMAS CONVENCIONAIS DE COBERTURAS

Flávio Leôncio Guedes, Rildo Duarte de Azevedo Filho, Flávia Gonçalves Domingues Ferreira, Flávia Garrett Azevedo

Resumo


O processo de urbanização concentrado e desordenado, em grandes centros urbanos, trouxeram mudanças devido às intensas intervenções no meio ambiente. As substituições de superfícies naturais por edificações e pavimentações têm aumentado expressivamente o processo de impermeabilização do solo e a reflexão de calor atmosfera. Uma das soluções para compensar a redução da vegetação ocasionada pelo crescimento urbano seria utilização da técnica de telhados verdes, no qual consiste na aplicação e uso de solo e vegetação instalada na cobertura de edificações. O objetivo deste trabalho foi de apresentar uma análise comparativa de custos entre a técnica de telhados verdes e os sistemas de coberturas convencionais, e os benefícios e vantagens analisados através de um protótipo. Foi confeccionado um protótipo no qual permitiu analisar benefícios e vantagens e em seguida foi utilizado o método comparativo para avaliar custo e sobrecarga de quatro sistemas de coberturas, sendo dois telhados verdes e dois convencionais. A analise comparativa permitiu concluir que o sistema de cobertura de fibrocimento tem o menor preço entre todos os sistemas verificados de R$200,7/m². Conclui-se que os sistemas de coberturas verdes apresentam mais vantagens que os sistemas convencionais, porém a escolha do melhor sistema a ser adotado no quesito custo x benefício vai depender da estrutura da edificação e do capital do empreendimento, devido ao custo da obra e peso de sobrecarga.

Palavras-chaves: Construção Sustentável; Coberturas Verdes; Construção Civil.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia